ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

sábado, 3 de abril de 2010

TARDES DE ABRIL


( imagem google )
Eu sabia
que eu não estava morto, nem vazio, nem frio.
Que dentro de mim habitava um querer, um ser
com um sentimento a brotar.
Que em minhas veias corria um rio caudaloso
intenso, generoso, ansioso por regar.
Eu tinha certeza que ainda havia o romantismo
escondido nas gavetas do meu peito
que andou mesmo meio sem jeito
por não ter a quem entregar.
Ah... eu sabia
que o ocaso não é um acaso;
Precisamos passar para resplandecer em aurora
como me sinto plenamente agora.
Eu sabia que o amor não havia acabado.
Estava só guardado, estancado
como numa represa que você abriu
naquelas tardes de abril.
O rio dentro de mim encontrou o mar.
Abrace-me porque agora eu vou deixar jorrar.

15 comentários:

Chica disse...

Que maravilha,Carlos! uma linda Páscoa pra ti e tudo de bom,SEMPRE!chica

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Há em ti um amor pela Vida imensurável.
E que venham as tardes de Abril!

Beijo

=)

Majoli disse...

Ler Tarde de abril, numa manhã de abril e ainda por cima ler o troca-troca de carinhos entre você a minha querida amiga Anita, amada sua, falando de manhãs, tardes e noites de abril...o que posso dizer?

Somente isso. Viva o amo do mês de abril...e de todos os outros também.

Você escreve lindamente meu amigo.

Beijos desta sua fã bem dentro desse coração que vive se explodindo de amor, pela Anita.

Sandra Botelho disse...

E que o amor cresça, floresça, independente da estação,
que ele seja sempre presente em teu coração
E que Anita menina flor
Seja sempre o seu doce amor...

Tenham lindos dias de amor, no outono , na primavera, ou em qualquer estação.

Bjos achocolatados!

Everson Russo disse...

Tardes de abril, sugerem tardes de outono, aquelas tardes opacas,cinzentas, semi frias, em que o abraço da pessoa amada é nosso melhor cobertos, palavras quentes ao pé do ouvido, uma musiquinha de fundo no radio, aconchego, seriam infinitas as palavras, gestos e sonhos nessas tardes....abraços meu amigo poeta,,,,tenha um belo sabado e uma otima pascoa em familia....fique com Deus.

Lou Alma disse...

Que bom é ver e ouvir um poetaaa entregar-se à paixão. Parabéns para esse teu amor correspondido. Beijos.

Luciana disse...

Oi Amigo

Uma ótima pascoa pra ti e pra tua familia.
Bjs
Lu

Sandra disse...

BOM DIA!!!
ALÉM DO FERIADO GOSTO VENHO LHE DESEJAR UMA LINDA E BELA PÁSCOA.
IZ PÁSCOA. QUE DEUZ ABENÇOE A SUA VIDA E TODA A SUA FAMILIA.
AGRADEÇO E RETRIBUO O SEU CARINHO NO BLOG. TODOS OS MEUS BLOGS AGRADECEM O SEU CARINHO.
DEIXO UM GRANDE ABRAÇO E ATÉ MAIS.
CARINHOSAMENTE,
SANDRA

TEM UM SELINHO NA CURIOSA DE PÁSCOA PARA VC.
PASSE LÁ.

Wanderley Elian Lima disse...

Quando o amor acontece é deixá-l0 jorrar em rios caudalosos até saciar a sede desse amor.
Abração

Louise Oliveira disse...

Que lindo um poeta amando. Poetas felizes nos presenteam sempre com poemas lindos.
Que sejam felize então. rs
Bjs! Lu

HSLO disse...

Feliz Páscoa!!

Tudo de bom em sua vida...meu amigo.


abraços


Hugo

paula barros disse...

Não pude deixar de observar Anita rimando, que fofo. rsrs´Gostoso, não é mesmo?

Carlos, é bom quando podemos deixar o amor correr nas veias, brotar, jorrar, inundar...ter reciprocidade, ter cumplicidade, ter troca.

Lindo poema.

felicidades!

Elaine Barnes disse...

rs...Que diálogo bonito aí heim! Delícia esse encontro das águas que Deus abenõe para que jorrem por muito tempo e nunca seque. Montão de bjs e abraços carinhosos de Feliz Páscoa e Renascimento do amor sempre

EDUARDO POISL disse...

O que posso desejar para você?

Que as verdadeiras amizades continuem eternas
e tenham sempre um lugar especial em nossos corações.
Que as lágrimas sejam poucas, e logo superadas.
Que as alegrias estejam sempre presentes
e sejam festejadas por todos.
Que o carinho esteja presente em um simples olá,
ou em qualquer outra frase, ou digitada rapidamente.
Que os corações estejam sempre abertos para novas amizades,
novos amores, novas conquistas.
Que Deus, esteja sempre com sua mão estendida,
apontando o caminho correto.
Que as coisas pequenas como a inveja ou o desamor,
sejam retiradas de nossa vida.
Que aquele que necessite ajuda encontre
sempre em nós uma animadora palavra amiga.
Que a verdade sempre esteja acima de tudo.
Que o perdão e a compreensão superem as amarguras e as desavenças.
Que este nosso pequeno mundo virtual seja cada vez mais humano.
Que tudo o que sonhamos se transforme em realidade.
Que o Amor pelo próximo seja nossa meta absoluta.
Que nossa jornada de hoje esteja repleta de flores.

Feliz Páscoa

Um abraço do amigo Eduardo Poisl

Impulsiva disse...

Ah Carlos, que belas são suas palavras logo após uma "breve melancolia" que chamaste de deprê.

"Eu sabia...Que em minhas veias corria um rio caudaloso
intenso, generoso, ansioso por regar."

Não há dúvidas que poetas e todos aqueles que tem intensidade e prazer em viver, embora tenham fases meio negras, retornam sempre mais fortes, porque reconhecem a força que há dentro de si.

Beijos poeta!