ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

terça-feira, 27 de julho de 2010

QUANDO A LUA NÃO VEM


( imagem google )
Parece que a noite está chorando
quando a lua não vem
Tudo fica mais escuro
E eu que fico esperando não me sinto seguro
em mim fica escuro também.
Tenho o vinho, a rede, o terraço
só me faltam a lua e um abraço.
Acho que não quero mais vinho
é muito difícil amar sozinho
é muito difícil sonhar sozinho.
De repente desaparecem as nuvens chatas,
raios descem em cascata. A lua veio sim.
Quase completo o quadro que eu quis.
Agora sim, estou quase feliz
ainda não posso fazer tim tim.
Como posso brindar sozinho?
Tenho a rede, a lua e o terraço
ainda me falta algo mais quente que o vinho...
o abraço.

18 comentários:

Mylla Galvão disse...

Realmente Carlos é mto difícil amar sozinho!
Mas o mais difícil porém consiste em amar sozinho SEMPRE...
Já passei por experiências assim e machucam demais...
Hj sou casada e sou feliz pq amo em conjunto!

Abraços

Obrigado pela visita!

Secreta disse...

O abraço que reconforta o coração e a alma...
Deixo um abraço meu.

Everson Russo disse...

Quando a lua não vem,,não vem tambem a nossa amada,,,o nosso carinho, o nosso amor,,,aquele abraço que tanto precisamos,,,quando a lua não vem,,nossa alma se perde na escuridão...abraços fraternos de otimo dia pra ti.

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Desejo que o abraço te encontre sempre receptivo assim :)
E que ele venha rapidinho, pra aplacar o seu sozinho

Beijo grande, Carlos

BANDEIRAS disse...

Que venha muitos abraços amigo, para aquecer esse coração apaixonado que é o seu. Que a lua apareça sempre.

Aceite meu abraço e obrigada pela visita.

Eduardo Medeiros disse...

Quando temos a capacidade de ter a lua como parceira o "abraço" fica mais perto de chegar.

Enigma disse...

Um abraço que envolve e que faz aquecer o coração, um abraço cheio de amor e emoção. Deixo um beijinho e um abraço cheio de carinho e amizade. Kiss!! Kiss!!

Jorge disse...

Carlos,
como precisamos de um abraço. Uma das forças numa terapia pois nele se envolve o Amor.

Um grande abraço, Amigo!

Enigma disse...

Se a primeira impressão é a que fica, estou muito feliz por ter conhecido o meu amigo Carlos.

PRECIOSA disse...

Aqui estou novamente, Parabéns..
Suas palavras foram sábias.
O amor existe para dois..
O amar só, é sentir um vazio que procura ser preenchido.
O amor nasceu para todos, é so esperar que brote, e saber rega-lo com carinho para que cresça sem perigo de morrer...

Abraços carinhoso

Caminhos Poéticos disse...

Renova a tua força
No silêncio do teu coração
Cansado e dolorido,
De tempos passados
E nunca esquecidos.


Um dia de luz e paz.......Beijos meus!M@ria

Silvia disse...

Ah o abraço, sempre ele!

Mas pra começar, o melhor abraço é o que damos a nossa alma...

Beijos

Elzenir Apolinário disse...

Carlos, também sinto falta de um abraço que eu adoro... ler seu poema agora q me fez sentir tanta saudade. Deixo p vc o meu abraço. Boa noite amigo, só me resta sonhar então sonhe!!!

VALVESTA disse...

Bom.... o vinho é uma boa companhia, dá pra sonhar, e feliz de quem tem um sonho a acalentar. Beijos no ♥

Amor feito Poesia disse...

... É um sonho esta vida, mas um sonho febril de um instante único. Quando dele se acorda, vê-se que tudo é só vaidade e névoa...

Gustavo Adolfo Becker.

Amo sua amizade.....Beijos & Flores! M@ria

rosa-branca disse...

Quando a lua não brilhar
A chuva, ela vai cair
Estrelas não vão brilhar
Os sonhos não vão florir.

Adorei o poema. Beijo meu

Majoli disse...

Oi meu amigo, desculpe a ausência, ando meio desanimada...mas vai passar.

"Quando a Lua Não Vem" é lindo, eu sinto falta dela em minha vida, ela sempre me faz companhia.
Mas como você mesmo diz, ainda fica incompleto quando a gente não tem do nosso ladinho quem a gente ama.

Mesmo que seja só pra ficar abraçadinho, em silêncio sentindo a magia da lua a nos invadir.

Beijos meu amigo.

Maria Dias disse...

Que delícia de poesia cor de vinho tinto!Parabéns: Vc é sim um ótimo Poeta e obrigada por nos brindar com este poema em dia de solidão.

Beijo

aria