ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quinta-feira, 3 de junho de 2010

MEU CASTELO É DE SONHOS


( imagem static.blogstorage )
Na minha ilha da fantasia vejo tantos castelos.
Os de areia, também são belos
mas não eternos, qualquer água pode levar.
Os de pedra, são mais modernos, parecem seguros
mas, me parecem escuros, de paredes frias
não têm poesia.
E se o vento quiser também pode derrubar.
Até mesmo o tempo faz ruir
e paredes não podem me ouvir
prefiro um ombro para me encostar.
Muito mais seguro é o castelo que componho
Meu castelo de sonhos
Só eu e minha fada podemos tocar.

//////////////////////////////////
Bem, amigos. Voltando meio devagar ao blog, melhor, aos blogs, assim numa fase meio Peter Pan, desculpem a insistência no tema,mas só sonhando, divagando, voando, devaneando (existe essa palavra? se não existe,inventei), só não dando muita bola para o mundo real, consigo ser feliz.

23 comentários:

IT disse...

Carlos,
sabe qual é o meu
"castelo de sonhos"?
É me permitir sonhar sempre...
É derramar em tudo, o meu amor.
Continue assim, sonhe como um peter pan,deixe o beija flor voar.

bjo grande.

Majoli disse...

E é isso que preciso fazer, não dar muita bola pro meu mundo real, senão eu enlouqueço.
Estou numa fase difícil demais, pior que nem sonhando mais eu estava...ah preciso devanear como você...ser sininho...encontrar algum carinho.

Te entendo perfeitamente meu amigo.
Beijos com carinho dessa sua amiga "Reclamona"...deu sorriso aí?...rs...espero que sim.

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Carlos
Realmente só o nosso castelo de sonhos é seguro, pois só nós o conhecemos e podemos nele entrar.
Grande abraço

cristal de uma mulher disse...

Meu amigo eu adorei o teu castelo de sonhos
....Até mesmo o tempo faz ruir
e paredes não podem me ouvir...
Quando sonhamos somos um universo vivo e brilhante como uma estrela..
Meu beijo eu amei tudo mesmo na ponta de tuas palavras

Beijos

Edna Lima disse...

Hummm!!!!Eu tenho um castelo de sonhos em frances. Mas vou vivendo aqui no meu , bastante real.Protegendo-o para que não caia com as tempestades. Grande bj conterrâneo. Edna Campos

Pena disse...

Talentoso e Estimado Amigo:
É imensamente genial na concepção de castelos da vida em sonhos fabulosos.
Parabéns pela sua veia poética que fascina.
"...prefiro um ombro para me encostar.
Muito mais seguro é o castelo que componho
Meu castelo de sonhos
Só eu e minha fada podemos tocar..."

Um texto soberbo em que acredita na seriedade e excelente espontaneidade do seu sentir junto da sua fada boa e que faz encantar.
É gigante no sentir.
Adorei o seu post. É extraordinário e mágico.
Abraço amigo de grandioso respeito e gigantesca estima.
Sempre a admirá-lo.

pena

Bem-Haja, notável amigo de bem.
É brilhante no que faz.
MUITO OBRIGADO pela sua visita e pela sua amizade que muito prezo.

Chica disse...

Sonhar sempre faz bem...Estar com os pés no chão ao sonhar, melhor ainda...um abração,tudo de bom,tudo de bom,chica

Valquíria Calado disse...

UM castelo de sonhos, onde lá tu és um principe, e no teu reinado o amor é lei. lindo, beijos e saudades de ti amado amigo.
conheça meu novo blogh:http://hanukkalado.blogsport.com/, meu hanukká, e de sua opinião.

Úrsula Avner disse...

Olá poeta, quanta sensibilidade em seu texto... De fato o castelo e sonhos e indestrutível, a não ser que o (a) próprio (a) sonhador (a) o desfaça... Obrigada pelo carinho de sempre. Grande abraço.

Machado de Carlos disse...

Sim, sim, sim. Precisamos dos castelos, mesmos que sejam efêmeros, como os de areia. (Risos!...)

Bia Maia disse...

Carlos querido:É isto mesmo!Não pare nunca de SONHAR...a vida não teria sentido sem nossos sonhos...
Você é o menino beija flor, então VOE SEMPRE!

beijos com carinho!

Bia

Luciana P. disse...

Pois é, Carlos, o mundo real é meio estranho às vezes, temos época de sonhos com os pés no chão e temos época em que dá vontade de só sonhar mesmo... As emoções que nos envolvem são complexas e nos exigem respostas, mesmo que não estejamos preparados para elas.
Cada pessoa tem o seu tempo de sentir e assimilar as coisas, e muitas vezes, queremos que o tempo do outro seja igual ao nosso. Isso vale para todos os sentimentos: o amor, a paixão, o ressentimento, as mágoas, enfim... Por isso temos tanta dificuldade em entender o outro e nos entender também.
Tenho essas fases também.

Beijos pra ti! E lembre que Peter Pan é um barato!

Machado de Carlos disse...

Pois é vivemos em uma ilha. É como se estivéssemos num deserto e encontrasse um oásis e, já com os olhos em uma miragem.
Um abraço amigo. Outro Carlos (Risos!...)

Everson Russo disse...

Fase Peter Pan é otimo,,,,meu amigo,,,ando meio assim tambem,,,meio que entre castelos de areia,,,tentando entender porque eles são tão amor,,,tão dificeis de contruir,,,frageis,,e em pouco tempo acabam,,,a onda da vida vem e leva....abraços de otimo final de semana pra ti.

Sueli disse...

Qualquer castelo é bom de se morar, desde que tenha sido nós quem o escolheu. Todos eles tem suas belezas e seus problemas. Cabe a nós saber como nos comportar. Grande abraço!!!

Impulsiva disse...

Ai Carlos, continue no mundo dos sonhos, porque teus poemas estão inspiradíssimos, e nos fazendo viajar sem pouso...

Não se desculpe, eu também consigo ser mais feliz "não dando muita bola para o mundo real"...

Beijos,
Kenia.

Elzenir Apolinário disse...

Carlos, adorei, poissou mto sonhadora...luto para manter o pé na realidade. Bjs

Elaine Barnes disse...

As vezes é preciso dar uma saidinha da realdidade,apenas um tempinho para organizá-la melhor. Muito bom! Tudo que vc escreve tem a ver com seu momento e o de muirta gente. Sintonia ppura. Montão de bjs e abraços

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Oi, amigos. Não respondendo ainda a contento porque esse pc não está ajudando muito. Abraços e beijos

Anita "Menina Flor" disse...

Ai meu bem, que pena, mas eu entendo, são momentos que acontecem nas nossas vidas. Mas não faça isso outra vez ok? Fiquei preocupada com vc, meu amor.

Beijokas.

Carlos Albuquerque disse...

É mesmo, xará, só não dando muita bola para o mundo real conseguimos ser felizes. Você tem uma vantagem, é poeta, e os poetas são sobreviventes...
Gostei do devaneando, palavra que o poeta inventou.
Um grande abraço
Seja feliz na sua ilha...

VASCODAGAMA disse...

Oi Beija Flor !!!!
Devaneando existe sim !!!!!

Devaneando no meu Castelo
Castelo verdadeiro onde nasci...
cada pedra me envolve em lembranças de criança...
Castelo de sonhos !!!
porque não ????voltar a sonhar
e no castelo entrar....

Vou voltar

Marilac disse...

Carlos,
Estou adorando essa sua fase Peter Pan: castelos, fadas, sonhos, amor e poesia tornam o mundo bem mais belo e feliz!
É preciso sonhar para renovar as energias.

Abraços,
Marilac