ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

QUEM ÉS TU?


( Imagem google)
Hoje vou brincar um pouco com a sensualidade do Conde Drácula. Sim, eu tinha pavor dos filmes, mas o achava bastante sensual
///////////
Quem és tu?
Vens de onde?
Onde te escondes quando é dia
que nem vais à rua?
Vives sob o signo da lua.
Quanto mais escura a noite, melhor
para teu sorriso sedutor
que mistura sedução e pavor.
Tua capa preta espreita nas esquinas
e antes que a presa se arme
teu charme domina, fascina, seduz.
Diz a lei da natureza
que todo forte tem uma fraqueza
e teu olhar que só deseja o vermelho
teme a luz, o espelho, a cruz.
Mas se teus lábios tocam a jugular
enquanto o sol não acontece
cada pescoço terá uma mácula
E tua tumba se enriquece.
Tu és... CONDE DRÁCULA.

20 comentários:

Majoli disse...

Ah que legal, eu também sempre tive um certo pavor por ele, mas concordo com o sensual, e gostei da poesia, é bem Drácula...rsrs.

Beijos meu amigo e lindo dia.

Priscila Lima disse...

imagens, desejos, ilusões, tudo faz parte da vida... até o Dracula se apaixonou... iamgine nós meros mortais...rs
MAs que somos nós para não nos apaixonarmos?

Beijos
Pri.

Everson Russo disse...

Vou continuar a brincadeira respondendo o que acho...rs..rs..rs..que sei,,,,Conde Dracula, primeira pergunta respondida, Pensilvania ou Transilvania, eu sempre confundo..rs.rs.rs..mas é de uma dessas que ele veio, e durante o dia, pelo que lembro, ele ficava num caixão..rs..rs..rs..acertei? rs...rs...eu gostava de ver os filmes dele tambem, achava legal a mordidinha no pescoço, agora hoje perdi o encanto com ele...rs..rs...abraços amigo e um belissimo dia pra ti.

Deusa Odoyá disse...

Olá meu amigo poeta!!!
Que lindo seu post, mas eu tinha muito medo dos filmes dele.
Mas nesse post vc. o deixou sedutor.
Uma semana de muitas realizações e paz.
Beijinhos doces, meu amigo poeta.
Regina Coeli.

Kotta disse...

Actualmente não gosto de filmes de terror, mas já vi os mais assustadores daqueles que o pessoal se levantava de noite e deitava ao amanhecer, sugavam o sangue e dormiam num caixão mas havia sempre um galã. ihihih Bjo.

Princesa disse...

Obrigado pela visita
Quase tudo nessa vida tem seu preço, mas se você analisar
bem, as melhores coisas que ela oferece são de graça!!!!
Então, consuma sempre muito amor, paixão, desejo, alegria,
amizade e também muita energia POSITIVA....
Um beijo

BANDEIRA disse...

Qdo adolescente, assistia Drácula só para morrer de medo !!
Ele era sensual sim, e conseguia seduzir as mais belas mulheres. Para vc ver, até alguém considerado um monstro tem coração.
Mas gostei muito de tua história.

PS: obrigada pelo carinho e preocupação comigo, mas estou muito bem.

Obrigada mesmo, amigo.
Bjs

claudete disse...

Caro Carlos todos nós temos um pouco de Drácula, seu lado apaixonante e sedutor não acha? Porisso tão intrigante.Seu poetar ficou lindo!
braços, Claudete

(Carlos Soares) disse...

Caro Everson,pra mim era Pensilvânia,mas agora que levantou a dúvida ,fiquei também sem saber. Mas o filme tinha belas mulheres e aquele mistério sensual mexia um pouco comigo sim, porque parecia que as muheres gostavam de ter o pescocinho mordido.Ainda gostam, né?Mas pelos Dráculas do bem... rs rs

(Carlos Soares) disse...

Meninas Claudete, Bandeira,Kotta,Princesa e Deusa Odoyá. Cuidado ,Drácula não morreu.

HSLO disse...

Texto show...parabéns.!!


Abraços


Hugo

Fatima disse...

Fiquei com meda!!!!Rsrsrsrs
Bjs.

Alguém que ainda acredita no amor disse...

Não morreu? E onde está ele? rsrs

Bjinhos apaixonantes.

Ariana disse...

Embora as pessoas temam o Conde Drácula, é um fascínio vê-lo nos filmes, ver a sensualidade que ele impõe...
Também nos seus versos isso se expõe. Não há como não se encantar com tal criatura



Beijos!

(Carlos Soares) disse...

Anita.Minas gerais. Moderninho de tudo. Morde que é uma beleza.beijossss apaixonados

TERE disse...

Parabéns por mais este poema.
Do Drácula nunca gostei mas medo não me mete já que há realidades mais assustadoras...

Tudo de bom.
Abraço

Tere

(Carlos Soares) disse...

Temos sim,Tere.bjs

(Carlos Soares) disse...

Verdade, Ariana. Fascinante e encantadora criatura.beijos

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Carlos eu continuo tendo pavor rsrsrs, mas sua poesia é ótima.
Abração

Mariana disse...

Confesso q não gostava de filmes de dráculas, vampiros,mas após ler a série Crepúsculo.Além de virar fã de vampiros,fiquei apaixonadas por estas criaturas.
Adorei a poesia.
Acho lindo MG.
bjs