ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

segunda-feira, 22 de março de 2010

NARCISO


Eu prefiro ficar aqui...
refletido em meus próprios olhos
agarrado a meu próprio sonho,
mesmo que seja absurdo.
Estar mudo e surdo a tudo que é exterior.
Mergulhar nesse lago e me afogar no meu amor...
no meu amor por mim.
Dizer que me amo mesmo que não o digam.
Traçar meu próprio caminho mesmo que não o sigam.
Procurei a beleza em todo canto
encontirei dentro de mim,
por isso fiquei assim...
apaixonado, alucinado e esse amor não tem mais fim.
Dizem que sou um fraco, mas, não vêem que sou tão lindo.
Falam das minhas asneiras de todo dia,
mas, não lêem minha poesia .
Como querem me entender?
Fecham os olhos e alma... como podem me ver?
Mas eu vivo sorrindo, sorrindo para o meu ego
por isso sou tão cego a tudo que não é espelho.
nesse lago eu me afago, nesse silêncio me escuto,
compreendo a essência do meu ser,
compreendendo-me sou forte,
sendo forte...eu luto.

22 comentários:

Felina Mulher disse...

Sou obrigada a pensar, a repensar, e dar o bracinho a torcer.

É muito lindo isso, alivia, faz a gente dar importância ao que merece, e de quebra, ver a própria bunda.adorei seu texto, um deleite para os olhos.
realmente fica a reflexão: como me vejo?
como os outros me veem?

Um beijo lindo menino.

Wanderley Elian Lima disse...

"É que Narciso acha feio tudo o que não é espelho...", já disse Caetano Veloso.
Um abraço

GM disse...

Oi Carlos, estou retornando com outro Blog, perdi tudo do primeiro com minhas confusões técnicas e minha habilidade em informática. Aos poucos meus amigos virtuais que sempre falava estão voltando a me seguir novamente. Por isso fiquei sumido. Aparece por lá.

Abs

IT. disse...

Carlos Soares,

Você se doa aos outros de uma maneira singular. Eu aprecio do que sua imaginação fértil é capaz de fazer,é por isso, que leio suas Crônicas e contos tão bem escritos por você. Fazer a leitura do NARCISO foi compreender a essência e a fortaleza do ser...do Amor e da força interior que temos.

No final de semana eu vivi um drama,de certa forma foi sim, ainda que emocional, vejo que é importante continuar a luta.
"resurgindo das cinzas"
se sou uma fênix!?
ainda não sei.

Lutemos todos!

Se desejar,leia última postagem, entenderá, lendo O conto do sequestro.
abraço.

Louise Oliveira disse...

Esse poema caiu como uma luva para mim nessa manhã. Bjs! Lu

Mahria disse...

Muito bom se amar. E ver em sí aquilo que ninguém ver. Preciso me amar mais, ser mais narcisista rsrs

P.S
Amore fiquei curiosa pra saber quais das musicas do meu post gostamos em comum.
Ah não tem selo, so meme mesmo, daí colhi na net aquela imagem do disco em vinil, so para ilustrar o meme, mas vc pode escolher a imagem q quizer tá?

Bjinhos
Mah

Maria Bonfá disse...

oi querido.. que delicia de poema.. só que agora fiquei pensando.. como sou ? como me veem? uma ótima reflexão para mim.. parabens..lindo dia para ti..beijão

Chica disse...

Maravilhoso,Carlos! Uma linda semana pra ti!abraços,chica

Everson Russo disse...

Será que é bom? sei lá,,,a gente até pode criar um mundo proprio e dele viver,,,mas é bom conhecer novos horizontes, novas belezas,,,definir o infinito como limite....abraços amigo euma bela semana pra ti.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Amigo Everson. É um poema antigo, numa fase em que estava meio jogado. Por isso saiu um poema tão intimista. Precisava me auto afirmar.Gostar de mim, não deixar que as pessoas me jogassem pra baixo.Não deve ser mesmo bom. Detesto ficar sozinho. Um abraço
///
Felina. A gente precisa olhar um pouco pra dentro,né? Beijos
///
Wanderley.Foi baseado nessa música que fiz este poema.Fase de transição. Um abraço
///
Que bom, GM.DE volta. Um abraço
///
Oi,It.Obrigado pelas palavras doces. Só me incentivam a melhorar sempre como pessoa.Eu li seu caso no blog. Espero não passe isso de novo.
///
Que bom Louise, quando a gente toca em alguem com nossos escritos. O desejo é esse mesmo.beijos
///
Calma,Mahria. Só amanhã,está bem? Beijos
///
Oi,Maria Bonfá.Reflexão sempre. Sempre nos olhando, nos auto examinando internamente. Amor próprio.Isso é tudo. Beijos
///
Oi, Chica. obrigado,amiga. Pra você também. Beijos

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Concordo. Nossa, eu gosto tanto de mim! Mas às vezes, eu grito, pela vida. Pela minha e pela do outro. Sou boa, mas quando me querem estrangular, eu grito. Grito de Amor.
Ah, vim aqui por outro motivo, mas vejo que o motivo é, senão igual, semelhante. Carlos, agradeço as suas poucas, mas sinceras palavras lá no Éverson sobre as primaveras, da Lu, que desconheço, e as minhas*

*******

*Um amigo sincero pode fazer brotar um sorriso
quando não suportamos mais e estamos abatidos.
Um amigo sincero pode compreender nossa provação
e nos pôr de volta no caminho certo com um aperto de mãos.
Um amigo sincero divide conosco os sonhos mais secretos
Ao mesmo tempo que permanece discreto.
Um amigo sincero vale mais do que o ouro,
pois de coração só quer a nossa felicidade, o nosso maior tesouro.
Poema da Renata*

Beijos.
Bom Dia! Choro e rio sem parar. Porque estou feliz com as 47 primaveras e eu estou como me vê no logo (há muito tempo; é um vaivém).

Anne Lieri disse...

Carlos,muito lindo seu texto,comovente!Se não amamos a nós mesmos,não há como amar outras pessoas.De vez em quando precisamos parar e lembrar da gente tb!Abraços,

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

No Final, o que vale não é o Final.
É a luta.
Moço, voce é um doce, esse teu poema foi surpreendentemente forte e ao mesmo tempo de um lirismo fora do comum.

Gostei muito mesmo!

Beijo!

José disse...

Carlos,só posso dizer que é um lindo poema.
Falam das banalidades, mas não vêm as qualidades, por isso eu luto.

abraço,
José.

Elaine Barnes disse...

Ser Narciso é amar a imagem mais do que tudo.Não é o seu caso,mas, entendi pelo lado do espelho. Há momentos na vida que precisamos nos olhar profundamente até que enxerguemos dentro. Buscar o amor fagulha de Deus e amar a nós mesmos mais do que tudo. "Amar ao próximo como a ti mesmo" Só assim nutridos temos o que oferecer.Recuperar auto estima e admirar o que vem de dentro da gente. Os espelhos estão em todas as pessoas que nos rodeiam,quando as admiramos e também quando as criticamos. pois nos encomodam. Vemos nos outros aquilo que não queremos ver na gente.Até por um lado positivo muitas vezes.Amei o poema,pela reflexão tb que me trouxe. Parabéns! Montão de bjs e abraços e uma semana repleta de boas surpresas

May Santos disse...

Lindo ^^

Belo jardim o seu! Me honraria poder voltar mais vezes e poder receber tua visita^^

Abraços

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Venho da fisioterapia, e muito feliz, Carlos.
Que bom que estamos juntos!
Nem sempre poderei vir aqui de imediato. Mas eu venho, ainda que demore.
Beijos muitos da Rê pra você********

VASCODAGAMA disse...

MUITO LINDO.........

SE NÃO NOS AMAMOS....NÃO PODEREMOS AMAR OS OUTROS....INTENSAMENTE.....

BEIJO

Poeta de um mundo caduco... disse...

Para amar o próximo é preciso amar a si mesmo...
Talvez egoísmo... talvez não! Depende do ponto de vista!

Gostei do post... diferente e mesmo assim encantador!

Fatima disse...

Ótima semana para vc meu querido!
Bjs

Juliana Carla disse...

Boa noite Carlos!

E o PREMIO DARDOS vai para: você! O mimo está no lado direito do meu cantinho. Tem até o seu nome na lista dos ganhadores. Espero-te no Braille da alma.

Bjuxxx e xerooo amigo!

Pelos caminhos da vida. disse...

Uma bela escolha.

Eu me amo tanto...

beijooo.