ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 17 de março de 2010

MINHA PRIMEIRA FESTA DE ANIVERSÁRIO


( imagem google )
Eu nunca tinha tido uma festa de aniversário.
Tinha lá no trabalho, numa parede central, um calendário enorme. Lá pelo dia 10 de março, peguei um pincel vermelho, fiz um círculo no dia 15, puxei uma setinha até o alto da folhinha e escrevi: FERIADO NACIONAL. Como no Brasil tem tantos feriados, um a mais, um a menos, passaria despercebido. E as pessoas começaram a perguntar. “Carlos , aquela letrinha torta é sua. Feriado de quê?”. E eu. “Vocês não sabem? Dizem que é de um cara famoso, muito querido. O presidente já decretou” .E ficaram especulando. “Não estou conseguindo lembrar, mas tem sim um feriado nesse dia”. E falavam nome de gente famosa, de grandes escritores, inventores, descobridores. “Carlos, se você sabe fala aí, né?”. Eu dizia. “Falo não. Vocês não veem tv? Aliás ligam só pra ver novela, está falando toda hora. Não leem um jornal”. O chefe falou. “Eu leio jornal todo todo dia e não vi nada disso”. Respondi. “Melhor o senhor trocar de jornal porque esse está furado. Que gente mal informada!”. Os dias foram passando. Toda hora passava um e li lá em cima: FERIADO NACIONAL. Coçava o queixo, a cabeça e ia embora. E eu me divertindo com aquilo. Até cantava assim. “Obaaaaa, dia 15 não venho trabalhaaaar. Adoro feriadooooo. Vai ser um dia lindooooo. O presidente já faloooou”. Chegava um. “Carlos, já perguntei um monte de gente, ninguém sabe que feriado é esse”. Até que no dia 14, Fátima desconfiou porque me via rindo nos cantinhos. “ Aprontando de novo, hein Carlos? É seu aniversário, né seu bobão? Está zoando todo mundo, por que não falou pra gente fazer uma festinha?”. “Ah, eu fiz brincando, vocês foram acreditando eu deixei pra ver até onde ia”. E ela. “Mas acontece que quando você quer falar sério, você fala. Por isso, e ainda por cima no meio de tantos feriados e todo mundo envolvido com trabalho, acreditamos. Eu já revirei agendas, calendários, perguntei pessoas pra descobrir esse bendito feriado... e nada”. No dia 15, fiquei um pouco chateado, ninguém me deu os parabéns e todos já sabiam do aniversário.. Fiquei matutando. Será que ficaram com raiva por causa da brincadeira? Puxa, não fiz por mal”. Terminado o expediente, todos na Kombi, o motorista não parou para mim no ponto habitual. Seguiu direto. Todos para a casa da Nice, a festeira sertaneja, onde tinha um bolo enorme, doces, salgadinhos, refrigerante e cerveja. Agora entendi porque ela não tinha ido trabalhar. Ficou em casa preparando tudo. Era minha primeira festa de aniversário. Até balões tinha. A gente ouve muitas coisas boas em aniversários. Desse, me lembro mais dessas palavras. “Ninguém gosta de gente que gosta de aparecer. Normalmente quem gosta de aparecer é gente chata, metida. Você é o único que conheço que faz isso muito bem. Você sabe aparecer. As pessoas perdoam tudo em você. Mas convenhamos, dessa vez você exagerou”. Respondi. “Ora, é porque eu nunca tive uma festa de aniversário e queria ver como era. E está sendo muito bom. Gostei. Vou querer mais vezes”. Nice e Carmem disseram. “Ah, não acho tão bom assim. A gente vai ficando velho.”. Respondi. “Envelhecer, é da natureza. Saber envelhecer, é da gente. Eu não vou ficar velho nunca”. Domingo, dia 14, ouvi isso. “Você nunca envelhece. Está sempre jovial, falando coisas de animação, de ego, de vida, de Deus, usou a palavra horizonte duas vezes. Isso passa otimismo pra gente. Tem suas horas de seriedade, mas predomina uma juventude aí dentro. Acho que você nunca vai envelhecer”. Também acho que não. Claro que as juntas, as articulações, doem de vez em quando, não são mais as mesmas, mas o coração, esse sim... não precisa envelhecer com o corpo.

25 comentários:

Majoli disse...

Lindo por demais, você sabe ser diferente de modo especial.
A festa deve ter sido mesmo deliciosa, você mereceu e merece muitas mais no decorrer de sua vida meu amigo.
Deve ser um prazer te ter como amigo de trabalho.

Gostei muito dessa idéia de marcar na folhinha feriado nacional...eita mineirinho danado...rsrsrs.

Beijos com carinho dessa sua amiga que te gosta e respeita muito.

Wanderley Elian Lima disse...

Só você mesmo Carlos para aprontar uma dessas. Eu particularmente adoro comemorar meu aniversário, e olha que já foram vários. Reuno amigos, parentes, vizinhos (para não chamarem a polícia por causa do barulho rsrsr),tudo em um aptº de 110 m2. Começo a falar com as pessoas 2 meses antes para dar tempo de comprarem presente rsrsrs.
Abração

Pelos caminhos da vida. disse...

Achei muito engraçado e criativo esse Feriado Nacional, com esse post de hoje Carlos passei a te conhecer melhor e vi que vc é um ser humano muito bacana mesmo.

E que venham mais festas pela frente.

Bom dia!

beijooo.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

OBrigado,Majoli.Sempre tão doce. Beijos. Vocêe também é especial
///
Essa de convidarr os vizinhos para a festa, para não chamarem a polícia foi mais criativs que a minha, Wanderley. Apartamento é complicado mesmo. Hoje sim, eu flao pra todo mundo também. Adoro fazer aniversário. Um abraço
///
Oi,Ana. Que venham muitas e muitas. Beijos

Edna Lima disse...

Feliz aniversário ! Acredito, que foi linda sua festa!Organizada por todos que te querem muito bem; Grande bj . Edna

Felina Mulher disse...

Ai ai...só vc mesmo heim menino!Sabe eu sou diferente, nunca gostei de festa de aniversário, odeio a hora de cantarem o parabéns, pq sempre choro, não sei, acho triste esse dia, e não é pelo fato de estar ficando mais velha não...e olha que meu aniversário é feriado nacional, decretado mesmoooooo....só teve uma vez que eu realmente quis uma festa de aniversário e resolvi eu mesma providenciar tudo....fiz um lual, e que lual...foi perfeito.Mas se eu soubesse que o menino Carlos gostava de festa teria aprontado uma pra vc aki na blogosfera.Agora eu quero saber se vc é bem informado mesmo. Vc sabe que vai ter um feriado Nacional em BH, e eu vou lá prestigiar um grande amigo que irá lançar um livro, vc tá sabendo????

Beijos.

Everson Russo disse...

Dififcil é parar de rir lendo seu texto,,,,rs...rs..rs...o novo feriado nacional,,, dia do famossimo e ilustre quem mesmo? rs...rs...rs....ninguem sabia, mas todo mundo adorou por achar que era feriado.....muito bom...rs...rs..rs...otima auto promoção....rs..rs.

O poeta da lua agradece ao menino beija flor pela amizade....abraços fraternos de bom dia.

Maria Bonfá disse...

que lindo Carlos. uma festa surpresa é muito bom.. mas vc apronta em ?obrigada pelo bolo estava uma delicia..quem sabe ano que vem vc não tem outra surpresa?. vc merece menino beija-flor.. merece tudo de bom , por seu carinho, sua gentileza, seu carisma. e por ser esse poeta maravilhoso que eu amo ler.. ainda pra completar tem um amor que é uma graça, doce como vc.. lindo dia querido..beijão

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Mas que danadinho, heim..., sempre um menino!

Mas essa fets foi merecida por demais!
Adorei sabê-la!

Adoro festa de aniversário, só não gosto da hora do 'parabéns' :(

Beijão

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Obrigado, conterrânea Edna.beijos
///
Oi,Felina. Não é que você não gosta, é porque é sensível e se emociona.Eu tmbém me escondia, mas depois parei com isso. É bom demais. Sobre o evento em BH, nã oestou sabendo.Me fale..Beijos
///
De leve,caro Everson,"o poeta da lua",de leve. So sei que deu uma bela festa.Até alta madrugada... e a lua estava linda. Um abraço
///
Obrigado pela doçura, Maria Bonfá.e estará sempre convidada.Beijos
///
Ah,Ana.Aquela gente séria não podia mesmo comigo. E como disse à Felina. É que você é sensível e se emociona. Eu também balanço na hora dos parabéns. E tome buááá. Beijos

sandra Freitas disse...

Ai..que troço mais lindo...você merece lindinho....que bom que lembraram de você. Tem pessoas que só de existirem merecem festa todo dia...eita..isso si é coisa boa..
bjokas

Pena disse...

Admirável Amigo:
Uma história bem arquitectada para o seu merecido aniversário.
Antes de tudo: os meus Parabéns sinceros.
Escreve magicamente e com um sentido de humor fabuloso.
Adorei a forma como concebeu este extraordinário sentir em si de uma festa representativa e significativo de um dia no ano. Fantástico.
Olhe, um abraço amigo e tudo de excelente na vida, como excelente é VOCÊ.
Com o maior respeito, estima e consideração gigantescos.
Sempre a admirá-lo.
Tem um coração de ouro que é um tesouro humano.

pena


Genial...!

claudete disse...

Sabe Carlos saber fazer-se amar é um dom uma arte, você meu menino terá sempre este espírito de criança, puro e lírico como um beija-flor. Toca e transforma em doçura tudo e todos ao seu redor. Continua assim , nunca deixe este dom escapar de você. ( Anita é amor de mãe mesmo). Beijos .

Secreta disse...

Heheh e conseguiste atingir os teus objectivos!
Beijito.

Anne Lieri disse...

Carlos,apesar do meu atraso deixo aqui meus votos de felicidades pelo seu niver!Eu concordo que seja feriado,afinal não é todo dia que um amigo querido faz aniversário!Tudo de melhor pra vc,meu amigo!Abraços,

Lou a esquizoffrenica disse...

E é ão bom não envelhecer, os anos vão passando e a gente se sente sempre jovens porque não é o corpo que manda mas a cabeça, beijo Carlos, só tu, querias um feriado só teu? nunca se sabe =)

♥*♥(franciete)♥*♥ disse...

Uma festa surpresa?
E quem não gosta de festa, as coisas sem serem esperadas por vezes são as melhores.
Beijinhos de luz e paz em seu coração

Felina Mulher disse...

Ah menino, vc está que nem seus amigos lá do trabalho, precisando se atualizar nas informações....kkkk...mas sem brincadeira eu não acredito que não foste convidado,,,mas espera que ele vai te mandar o convite.


Beijos.

Sonhadora disse...

Carlos
Você deve ser um brincalhão ,mas daqueles que sabem brincar e as pessoas não levam a mal, lindo texto.

Beijinhos
Sonhadora

VASCODAGAMA disse...

IDEIA BRILHANTE
AHAHAHAHAHAHAHAH

FERIADO NACIONAL....
ESSA FOI DEMAIS

BEIJO

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Obrigado pelo carinho,Sandra Ribeiro.Beijos
///
Prezado amigo,Pena. Sempre tão generoso é você. Um abraço, amigo
///
Claudete, se for pra contagiar que seja de coisas boas, de alegria, de positivismo. E o amor de Anita é quase de mãe mesmo.Pelo menos ela gosta de dar colo. Beijão
///
Obrigadão,Anne. Beijão,amiga.Você é ótima.
///
Ah,Franciete. A gente fica mesmo no céu. Beijos
///
Oi,Sonhadora. Melhor assim,né? Brigar pra quê? Beijos

Coisa Frágil disse...

oi Carlos menino,

feliz aniversário.....atrazado...mas com muitos desejos de paz, amor, saúde, felicidades...e é bom demais surpresas...é um termometro p saber a estima dos outros por nós...heeeeeeeee...

mil beijos....

Elzenir Apolinário disse...

Carlos, não consigo entender alguém ficar sem festa de aniversário. Nunca deixo de fazer. Se puder, leia minha releitura de She.Se vc gostou de She pode gostar de he. Bjs

Sonia Schmorantz disse...

Muito bom, nada como uma boa festa de aniversário!!!!
Tudo de bom para ti
um abraço

EDUARDO POISL disse...

Rssssssss, vou fazer isso no meu, parabéns Carlos teus textos são bom de ler.
"O que as vitórias têm de mau é que não são definitivas. O que as derrotas têm de bom é que também não são definitivas."
José Saramago

Obrigado pela amável visita.
Abraços com carinho