ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

domingo, 22 de março de 2015

VERDADE CHINESA - EMÍLIO SANTIAGO ( composição Carlos Colla e Gilson )



Como cantava bem o Emílio Santiago, hein? Grande intérprete. Linda essa música. Emílio Santiago, tinha a voz, ao mesmo tempo potente e aveludada. Poucos artistas têm isso. Só para ver como é raro, Elvis era um deles. Nat King Cole também.

8 comentários:

Eliete disse...

Carlos, que falta que Emilio Santiago faz. Foi cedo demais. Sua voz é linda e essa música é linda demais.um abraço

lua singular disse...

Oi Carlos,
Que voz tinha Emílio Santiago.
Tudo que é bom morre cedo.
Você está na minha lista de blog
Beijos

lua singular disse...

Oi Carlos,
Que voz tinha Emílio Santiago.
Tudo que é bom morre cedo.
Você está na minha lista de blog
Beijos

Ivone disse...

Lindo, amei ouvir, a melodia cantada na linda voz do inesquecível Emílio Santiago!
Deixou rico legado!
Abraços amigo querido Carlos!

Cidália Ferreira disse...

Pois... Gostei muito!!

Beijos e uma excelente semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Paula Barros disse...

Gosto muito desta música, da voz dele.
Gostei de recordar.
abraço

Rô... disse...

oi Carlos,


cantava muito mesmo,sempre fui fã...
saudades dessa bela voz!!!


beijinhos

PAULO TAMBURRO. disse...

Olá CARLOS,

e morreu cedo demais.
Acho que os bons cantores brasileiros duram pouco, porque este lixo que fica por aqui, roga praga!!!

Só pode ser.

Um abração carioca.