ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 25 de março de 2015

GORDINHO GOSTOSO




Não que eu goste da música, mas queria fazer um comentário. Todo ano temos o praxe da música de verão, aquela que estoura por três ou quatro semanas, vende disco pra caramba, e o cara fica rico. Nada contra o artista, se ele sabe fazer marketing, mérito dele, eu sou a favor do marketing, agora, se vou comprar, é uma outra história. Há quem goste. Porém observei que as duas últimas músicas de sucesso de verão, sendo do ano passado a do LEPO LEPO, e desse ano GORDINHO GOSTOSO, não trazem a ostentação dos anos anteriores, como  “ agora sou bonito porque tenho Camaro amarelo”,  “vou te pegar e fazer um lêlêlê”,  “se eu te pego, hanhanhan”, colocando o homem como muito poderoso e a mulher como interesseira. A do LEPO LEPO, o cara diz que está sem dinheiro,  desempregado, o banco tomou seu carro, enfim, está mal das pernas, em situação difícil, e se a mulher ficar com ele, é porque verdadeiramente gosta dele.  Bacana isso! Calma, não estou vendo poesia nisso rs rs... mas destoa da maioria das músicas de verão, do carrão, do sexo fácil, da mulher como objeto sexual, apesar de que, a mulher é a maior consumidora das mesmas músicas que desfazem dela. E a música do momento é essa do GORDINHO GOSTOSO. Bacana isso também, o cara é gordinho e assume. Sou gordinho e daí? Mostra uma autoestima elevada. Quem gostar de mim, vai ter que gostar de mim assim: gordinho. E particularmente, acho o cantor bem simpático. Aliás, nunca conheci um gordinho mal humorado.
Vamos cantar?  “ Sou um gordinho gostoso, gordinho gostoso, sou um gordinho gostoso...”.  Precisa dizer mais nada rs rs.
===

Espero que o artista não fique bravo por utilizar seu vídeo, até porque esse texto é um elogio.

8 comentários:

Lilly Silva disse...

Ótimos post Carlos! Eu realmente gostei bastante!!!
Beijos e beijos

http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

lua singular disse...

Oi Carlos,
Eu não gosto desse tipo de música e dessas mulheres assanhadas que não sabem se valorizar.
Roberto Carlos não canta nada, mas não se expõe ao ridículo e só aparece na televisão uma vez por ano.
Gosto muito de música romântica com uma pitadinha de malícia como a do falecido Wando.
Que pena a sua morte!!
Beijos

Ivone disse...

Amigo Carlos, para dizer a verdade não sei a letra dessa música, ouço algumas vezes quando caminho pela praia quanto estou por lá, toca muito nos quiosques, mas é como dizes, nada contra, tem gosto para tudo, eu só não prestei a atenção, mas vou conferir, pois é, vou conferir!
Gostei de ler aqui, assuntar sobre tudo é bom, poetizar é isso também!
Abraços apertados!

Rô... disse...

oi Carlos,

não tenho nada contra,
mas realmente as músicas que fazem sucesso são surpreendentes...
me fez rir!!!

beijinhos

Cidália Ferreira disse...

Musica texto maravilhosos!

Beijinhos
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Arione Torres disse...

Oi amigo Carlos, ótimo post!!
Essa música é bem engraçada rsrsrs
Gosto das músicas que realmente têm algo para contar, não as que denigrem a imagem das pessoas.
Tenha uma excelente semana, abraços e fique com Deus!!

Rita Sperchi disse...

kkkkk e continue assim sendo um gordinho gostoso e um grande poeta , brinde sempre com esse bom vinho


Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!

Isa Martins disse...

Oi Carlos, tenho visto a mentalidade de muitos evoluir nesse sentido, mais maturidade inclusive nos jovens, porque maturidade não é de acordo com a idade e sim de acordo com os princípios e valores da pessoa.
Concordo com o que falou sobre as mulheres curtirem coisas que desfazem delas, principalmente ficarem com homens que não as valorizam, é o que mais tenho visto. Parece que "sofrer" por amor é algo bonito, quando na verdade quem sofre por amor é porque não existe amor realmente, pois o amor é sublime e não faz sofrer, ao contrário só desperta coisas boas.
Bom fim de semana menino poeta, beijos