ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

UM CORPO NU


( imagem google)
Um corpo nu fala tanto!
Palavras pra quê?
É lindo de se ver.
É desejo, é encanto.
Um corpo nu num quarto tem brilho farto
tem seios e anseios.
Emana sensações, irradia vibrações.
Tem delícias, tem curvas sinuosas
mãos e pernas ansiosas.
Um corpo nu pede beijos, caricias, malícias,
pede toques.
Não precisa de retoques
pois fala por si só
porque já está vestido de amor.
Um corpo nu numa cama
inflama, explode um vulcão,
mas com a delicadeza de uma flor
que não quer mais ser botão.
Um corpo nu canta...
“Dio come ti amo”, “Besame mucho”,
Je t’aime, “Me and you”
não precisa de muita coisas
apenas de um outro corpo nu.

34 comentários:

paula barros disse...

Carlos, poéticamente divino. Um encanto. E não interferindo no seu poema que é belo, mas só uma ressalva que me ocorreu.

Mas eu digo a você, e não sei se você já passou por isso, que as vezes um corpo nu, quer muito mais que outro corpo nu. Porque tem corpo nu, que quer o toque da alma nua.

Luciana P. disse...

Realmente, um corpo nu, desprovido de vergonha e de máscaras fala mais que as palavras. Dizer o quê? Gestos são muito mais reveladores diante de um corpo nu que qualquer verbalização de sentimento.
Lindo post!

Beijos!

Regina disse...

Olá meu lindo amigo.
Um corpo nú não precisa de palavras, apenas toques e outro para se completarem.
Muito lindo e sensual seu poema.
Adorei...
Abraços de muita luz para vc. e Anita.
beijinhos docesuma semana de muitas realizações e paz.
Regina Coweli.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Hoje amanheci com essa música na cabeça e resolvi compartilhar...

http://www.youtube.com/watch?v=MJfQXS1hKDo

Depois de um dia estafante, essa música sempre acalma.

Que sua quarta seja de luz, menina linda do meu coração.

Rebeca

-

Maria Bonfá disse...

lindo poema Carlos.. sensual mas terno. bom demais amar com essa intensidade e esse desejo.. afinal..falar pra que ? um corpo nú só precisa de outro corpo nú.. parabéns..beijo

Sonhadora disse...

Carlos
O poema diz tudo...sensual.
Um beijo
Sonhadora

Sonia Schmorantz disse...

Inspiradíssimo, muito bonito!
um abraço

Wanderley Elian Lima disse...

Oi amigo, poema ousado e sensual. Adorei. Parabéns.
Abração

Nathália F. Cortez disse...

Carlos, fiquei encantada, o que você escreveu é maravilhoso.
Que mente privilegiada meu amigo e que bom você dividir isso conosco.

Que o seu dia seja maravilhoso.

Beijos.
Ná!

Everson disse...

Meu amigo poeta, estamos em sintonia perfeita, imagina que ante ontem escrevi Nua 2, já tinha o 1...rs.rs...realmente é tudo que voce disse, é lindo de se ver, macio de se tocar, e da é nisso, numa linda poesia, em sansaçoes absurdas de desejo...nada melhor do que entrar num quarto e ver um corpo nu...de mulher é claro...rs.rs..rs...abraços e um belo dia pra ti...

Majoli disse...

Meu amigo, que linda poesia.
Um corpo nú, dois corpos nús, na entrega total a se completarem.

Parabéns pela delicadeza de suas palavras nesta poesia, valorizando o corpo nú.

Beijos no ♥

(Carlos Soares) disse...

Concordo comm você,Paula.Nessa hora a dois tudo tem que estar nu,inclusive a alma.beijos

(Carlos Soares) disse...

Falou tudo, Luciana.beijos

(Carlos Soares) disse...

Obrigado,Regina.Um abraço também e ótima semana.Beijos

(Carlos Soares) disse...

Sim,Maria Bonfá.União perfeita de cinturas.Obrigado,beijos

(Carlos Soares) disse...

Obrigado,Wanderley. Nem só de contar histórias vive o Carlos,né.Um abraço

(Carlos Soares) disse...

Obrigado,Ná.Você também escreve muito bem.beijos

(Carlos Soares) disse...

Disse bem amigo, Everson.Sintonia.Claro, corpo nu de mulher. Um abraço

(Carlos Soares) disse...

Sim,Majoli. Um corpo nu é mesmo algo lindo.Me senti um verdadeiro pintor.Beijos

Geisa Machado disse...

Vc descreveu brilhantemente um corpo nu. E foi além, vc falou da entrega sem máscaras de uma forma muito poética. É como a criança que, quando vem ao mundo, vem nua e totalmente pura. Dá muito prazer ler este poema e este prazer é sentido de todas as maneiras (físico, emocional e espiritual).
Parabéns!!!
Bjussss

(Carlos Soares) disse...

Obrigado,Geisa.Sobre os textos,demonstra ter um bom coração.Sobre o poema,uma boa percepção.parabéns.Beijos

Fatima disse...

Carlos,
vc não apareceu na minha festa.
Queissodiverá?
Bjs.

Mariana disse...

Lindo poeta,
grande poeta.
beijos

Jacque disse...

Linda Poesia Carlos. Obrigada pela visita.

Beijo.

Jacque

Glória Müller disse...

... e ele pede bis!

Que bonito, Carlos!!
Beijos
Glória

Everson Russo disse...

Bom dia meu amigo, deixando um forte abraço a ti e desjeando muita inspiraçao....

Laurita disse...

Olá amigo, obrigado pela visita e pelos votos, desejo tudo de bom para si e sua musa. Lindo poema de amor onde não precisa dizer mais nada. Perfeito. Beijos

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Queridos amigos,

É com aquele SORRRISO ENORME que viemos dar as boas novas. O Néctar da Flor ganhou o 1 lugar na Gazetas dos Blogueiros. Não teríamos chegado a essa colocação se não fosse o apoio e a consideração de todos. Queremos dizer que o troféu não é nosso, o número 1 faz parte de uma família que construímos nessa blogosfera. Então, meus amigos, somos o número exato pra multiplicação exata de carinho.

Beijos jogados no ar, SEMPRE!

-

Fragmentos Betty Martins disse...

.________olá Carlos




uma "legenda"
______com a tradução


.desejo.amor.paixão_______entrega

...
lindíssimo!










_________///







beijO_____ternO

Maria Emília disse...

Bonito Carlos, este corpo que se presupõe jovem. Sinto que lhe falta uma alma. Nua de preferência.
Um grande abraço,
Maria Emília

(Carlos Soares) disse...

Sim, Maria Emília.Sempre,sempre.beijos

(Carlos Soares) disse...

Lindo,Betty Martins.Obrigado.beijos

Armando Maynard disse...

Eis um poema quente,

De um poeta ardente,

Que ao deitar e rolar,

Só pensa em amar.

Virgínia Lupinni disse...

Muita bem descrito o corpo da mulher.Felizmente a mulher "aprendeu" a tirar a roupa e se mostrar.
Bjs doces!