ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quinta-feira, 7 de maio de 2015

MÚSICAS DE MAMÃE- MAMÃE, ESTOU TÃO FELIZ ( AGNALDO TIMÓTEO )


No Brasil não se valoriza muito a voz. Agnaldo Timóteo tem uma bela voz. Minha mãe gostava muito.

3 comentários:

Ivone disse...

Linda homenagem à mamãe!
Agnaldo Timóteo tem uma linda voz, nos envolve sempre!
Amei ouvir querido amigo poeta!
Abraços apertados!

Roselia Bezerra disse...

Olá, Carlos
Faz tempo que não passo por aqui pois estou entre a bisa e netinhos...
Músicas bonitas vc tem postado e sua mãe era da época da minha... rs...
Seja feliz e abençoado!!!
Bjs fraternais

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Parabéns pelo artigo.
Tive possibilidade de conhecer uma rica voz e uma presença agradável.
As letras estão bem para a musica.
Um grande abraço Carlos Menino