ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

RECITANDO - ÍCARO MODERNO

Ria da minha utopia.
Diga que essa coisa de fantasia não é coisa normal,
chega ser até banal.
Mas prisões são tão antigas.
Às vezes de concreto,
às vezes da imaginação.
O escuro, o segredo
a timidez, o medo.
Tudo isso é prisão.
Já dizia um doutor que os loucos não sonham,
mas, se não sonho fico louco.
Então eu sonho,canto
grito, fico rouco.
Melhor a pureza do sonho
que a dureza da realidade.
È que a felicidade é uma faca de corta de dois lados.
 Ícaro... o meu amigo,
não sabia do perigo dos sonhos alados
e que o sol que aquece e ilumina
também derrete as asas e nos faz ficar calados.
Mas, quem é louco não se cala
nem deixa de sonhar.
Então me deixe compor,cantar
fazer versos ao universo,
pois, é esse o meu jeito de voar.

7 comentários:

Dorli disse...

Oi Carlos:
Eu não ouvi direito como da outra vez, estava um chiado forte, mas como sei que declama bem que tal colocar a letra embaixo?
Beijos
Lua Singular

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Muito lindo seu vídeo Carlos.

Recitou coma alma de um poeta.

abraços
Carmen Lúcia-maymilu.blogspot.com

Dorli disse...

Oi Carlos,
A letra é linda, mas Ícaro só pode deixá-lo voar na imaginação. se for voar de verdade só de avião, com asas você cai.kkk
Você declama tão bem! Que pena!
Beijos
Lua Singular

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Carlos
Não dá para viver sem sonhos, eles são fundamentais à nossa vida.
Abraço

Fernanda Oliveira disse...

Amigo Carlos, você disse:
Esse é meu jeito de voar...
O seu jeito de voar Menino Beija- Flor é através de suas lindas poesias, através delas você vai longe e alcança muitas flores...
Suas poesias são tão lindas que você não precisa nem se preocupar em declamar... só de ler já é emocionante, mas sabe que gostei de ver você declamando...

Beijos em seu coração, da sua amiga

Fernanda Oliveira

Lis Fernandes disse...

Olá querido poeta!
Esse seu poema é uma joia!
Continue voando... Sempre, sempre!
Beijos,
Lis

Anne Lieri disse...

Lindo poetar e os poetas precisam mesmo de seus sonhos!bjs,