ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 20 de junho de 2012

TODO MUNDO QUER SER FREUD



Intelectual ou debiloide,
todo mundo quer ser Freud.
Todo mundo tem a resposta,
mas eu não vivo de perguntas;
tudo o que meu coração gosta
é que as pessoas vivam juntas.

E tome frases de efeito.
Prefiro as que saem do meu peito,
pois delas, conheço a real causa causa e o efeito.
Meu coração não é parachoque de caminhão.

Alienado, alenígena ou androide
zumbi ou humanoide,
todo mundo pensa que é Freud.
Sei que meu coração frágil e sensível
às vezes se ofende, mas não se rende
à essa Torre de Babel invísivel
que leva a lugar nenhum.
Nesse elevador não quero ser mais um,
prefiro ser chamado de moloide,
porque eu não quero ser Freud.

Olho para os lados e vejo pobres Freuds,
meras caixas de ressonância da ignorância.
Nas cabeças desses intelectuoides,
o Id e o Ego travam uma verdadeira guerra.
e quanto mais se explica
mais se complica esse planeta Terra
que para mim não passa de um pequeno asteroide.
Eu vivo e deixo viver,
deixo o mundo acontecer
porque não tenho tempo pra ser Freud.

11 comentários:

✿ chica disse...

rss...Tens razão...Sempre tem alguém metidinho a entendido de tudo que se passa conosco..abração,chica

Estrela disse...

Pois é, querido poeta. Deus me livre de ser Freud!Pois o que tenho de mais forte em mim é a maternidade e todos sabem que ele (será que ele tinha mãe?) só culpava as mães pelos distúrbios alheios.Rsrsrsrsrs
Bjus!

Marilu disse...

Querido amigo, as pessoas sempre gostam de opinar em nossas vidas, dizendo "se eu fosse você"., o problema é que elas não são nós, é muito fácil dar opiniões quando não vivemos ou fazemos parte do problema. Eu realmente não tenho vocação para Freud. Beijocas

Aclim disse...

É Freud...mas é assim mesmo........hausua

Secreta disse...

Isso mesmo... eu também não tenho tempo para ser Freud...
:)))))

Sonhadora disse...

Meu querido Carlos

~Há sempre alguém que é dono da verdade...e muitas vezes essa verdade não é a sua.
Lindo como sempre ler-te.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Carlos. Você ficou irado, rs.
Eu adoro psicologia, contudo sei que existem pessoas e até psicólogos que querem afirmar o que sentimos, quando penso que o que passa no nosso coração é de responsabilidade nossa!
A ciência ajuda a desvendarmos o que se passa conosco, contudo jamais deve ser tirana, o mesmo se dá com quem acha que sabe tudo, e tomar atitudes por nós!
Um beijo na alma, e fique na paz!

Anne Lieri disse...

Carlos,uma poesia crítica e verdadeira!Quanta gente há por aí,especialmente nas redes sociais, que se acham os donos da cultura,das logisticas,dos ismos....rss...tb não tenho tempo a perder!...rss...bjs e boa semana!

Zilani Célia disse...

OI CARLOS!
ACABASTE DE EXPLICAR COISAS,FAZENDO CAIR POR TERRA O DITO DE QUE SÓ "FREUD EXPLICA"...
ABRÇS

zilanicelia.blogspot.com.br/
Click AQUI

Arione Torres disse...

Oi Carlos, gostei muito do post.
Sempre tem alguém querendo saber da nossa vida todos os dias né?
Tenha uma linda semana, bjus e fica com Deus!

Severa Cabral(escritora) disse...

...Oi meu néctar !!!!!!!
Vc sempre nos mostra razões,que muitas vezes fica guardado no lado obscuro do nosso viver.
Só sei dizer que Freud sabia tudo,nós ainda não sabemos nada,rsrsrs.Será?
E eu prefiro :
"...prefiro ser chamado de moloide,
porque eu não quero ser Freud..."
Bjs e tenha dias inspiradores!