ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

DESENCANTO- MANUEL BANDEIRA


(imagem google )
Eu faço versos como quem chora
De desalento... de desencanto...
Fecha o meu livro, se por agora
Não tens motivo nenhum de pranto.

Meu verso é sangue. Volúpia ardente...
Tristeza esparsa... remorso vão...
Dói-me nas veias. Amargo e quente,
Cai, gota a gota, do coração.

E nestes versos de angústia rouca
Assim dos lábios a vida corre,
Deixando um acre sabor na boca.

Eu faço versos como quem morre.

8 comentários:

romantic disse...

é são lindos seus versos menino...bjs!

Vida*** disse...

Bom Dia! Amigo,é alguém valioso demais para ser desconsiderado.Grande demais para ser perdido.Importante demais para ser esquecido. Um dia abençõado e iluminado com vibrações positivas irradiadas pelo sol.

Eduardo Medeiros disse...

O poeta faz poesia com a matéria prima que lhe está disponível, seja dor, a alegria, a vida ou a morte.

grande abraço,

Felina Mulher disse...

Penso que fostes divino na escolha.


Um beijo saudoso pra ti menino.

Sil disse...

Amo ler Manuel Bandeira.
hoje postei sobre sobre Luis Gama. Adoraria que você me visitasse e deixasse seu recadinho.
Abraços

http://mais-um-cafe.blogspot.com/

meus instantes e momentos disse...

belo post amigo.
Maurizio

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Carlos
Um poema lindo, também sendo de quem é, não poderia ser diferente.
Abração

Dri Andrade disse...

GOSTO MUITO DO MANOEL,GRANDES VERSOS...PARABÉNS PELO BLOG,
ABRAÇOS