ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

domingo, 20 de outubro de 2013

EU TENHO UMA ÁRVORE


(  IMAGEM artesdelaurav.wordpress.com )

Eu tenho uma árvore que cuida de mim.
Debaixo dessa sombra, nada me assombra.
Seus galhos são os braços que me envolvem,
me absolvem de qualquer coisa ruim.
As folhas são os amigos que fiz
Que me leem, que me veem, que me creem 
e isso me faz feliz.
Tantos frutos tirei.
Amor só quero um,
mas que seja além do comum.
Nesse tronco namorar, um coração desenhar.
Desilusões, podei.
Emoções,  colhi aos cachos,
quanto mais eu colho, mais eu acho.
Que ela cresça, floresça no dia a dia.
O nome de minha árvore...
é poesia.

8 comentários:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Linda demais esta tua árvore.
Todos desenhamos uma parecida. Todos desejamos a árvore ideal.

Vamos cuidar dela para que os seus ramos nos abracem e connosco se entrelacem todos os nossos amigos.

Um abraço de amizade nesta árvore gigante de coisas maravilhosas.

Dorli disse...

Oi Carlos
Só posso dizer uma coisa: pra mim você é um poeta que entra nos nossos corações.
Um beijo grande
Muito sucesso
Lua Singular

Fernanda Oliveira disse...

Linda demais amigo Carlos sua poesia!
Verdadeira demais, você descreveu- se mais uma vez...

Beijokas no coração da sua amiga que te gosta de montão :)

Fernanda Oliveira

Vera Lúcia disse...


Lindo, Carlos.
Que esta árvore produza sempre lindos e inspiradores frutos.
Parabéns, poeta!

Ótimo dia.

Abraço.

AFRICA EM POESIA disse...

meu amigo um beijinho e vim agradecer a visita e matar saudades.

AFRICA EM POESIA disse...

meu amigo um beijinho e vim agradecer a visita e matar saudades.

MARILENE disse...

Que árvore especial você descreveu! Ela nunca deixará de lhe dar belos frutos. Bjs.

Marilac disse...

Carlos
Que poema lindo!
Fui lendo e me encantando com os versos simples que nos fazem sonhar com um merecido descanso a sombra de uma arvore assim,amiga, acolhedora, testemunha da nossa vida!

Abraços
Marilac