ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

domingo, 18 de fevereiro de 2018

10 ANOS DE BLOG!




Puxa, como passam rápido 10  anos! Fiz questão de colocar o numeral justamente para enfatizar: 10! Não sei fazer aquelas imagens comemorativas, mas sintam-se todos abraçados.  Quando o blog surgiu foi uma grande e gostosa novidade, ainda me lembro quando um amigo me disse: “Você é poeta, escritor, tem uns trabalhos legais, devia ter um blog. Você vai gostar”. Eu nem sabia direito o que era um blog, fui conhecer e não parei mais. Aqui eu postei emoções em forma de poemas e textos, contei muitas histórias, meus contos que eu amo escrever, meus contos são minhas viagens siderais. Falei de sonhos, alegrias e até de tristezas. Coloquei opiniões e críticas políticas e sociais, falei sobre meus filmes preferidos, livros, músicas, imagens, aventuras, piadas... brinquei até de fazer novelas. Era divertido ver as pessoas pedindo para colocar um final feliz nas novelas, tinha gente pedindo para mudar isso ou aquilo, alguns se diziam ansiosos para chegar o outro dia para ver o final. Chegava a dar até quarenta comentários. Eu me sentia um Dias Gomes rs rs. É verdade que hoje é bem menos, pode ser que o blog tenha mesmo perdido um pouco de força, mas ele ainda tem seu charme, é mais didático que as outras redes sociais, mais inteligente, mais sério, por isso, reconhecendo que eu mesmo já não publique grande quantidade como antes, volto a frisar que esse blog jamais será fechado ou abandonado, pois é aqui que gosto de transmitir e compartilhar minhas emoções. E claro, também ler as emoções dos amigos que me seguem e que eu sigo. É muito boa essa troca de energias entre os blogueiros. A todos os que passaram por aqui, aos antigos que ainda estão, e aos mais recentes, eu digo: GRATIDÃO!!! Segue a viagem...

15 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Parabéns Carlos pelos 10 anos de blog e acho que foram anos de alegrias com seus textos maravilhosos.
Grata pela sua visita e comentário.
Bjs e um ótimo domingo.
Carmen Lúcia.

A Casa Madeira disse...

Existe sempre algo que levamos conosco
de cada blogue que visitamos.
O blogue Já é um menino grandinho k; bastante
tempo postando.
Vida longa ao blogue!
Boa entrada de semana.
Abraços.

Janita disse...

Há já uns anos que sigo o blog e nunca deixo de ler cada postagem aqui publicada, ainda que nem sempre comente.
Parabéns, caro Poeta, continue em frente com suas publicações, partilhando suas experiências de vida, criando amizades, divulgando seus belos poemas, textos e opiniões.
Tem razão, um blog é dos meios de interacção virtual, existentes, muito mais gratificante e onde nos sentimos em casa, do que qualquer outra rede social.
Os meus sinceros Parabéns e votos de longa vida para o blog e para ti, Amigo Beija-Flor.
Um abraço.

Janita

✿ chica disse...

Que bom,Carlos e desses 10 pude acompanhar muitos deles. Gosto muito! PARABÉNS e que venham mais e mais! abração,chica

Cidália Ferreira disse...

Já?? 10 anos?? O meu enorme aplauso.
Maravilhoso texto. Amei
Que venham muitos mais



Beijos...Bom Domingo

Reflexos Espelhando Espalhando Amig disse...

Ei Carlos!
Bom te ler.
UM abraço.
Bjins e/ou Abraço
CatiahoAlc.

lua singular disse...

Oi Carlos
Saudades de ti
Nós somos um pouco de cada coisa, mas chega uma hora que fingimos viver. A dor da carne dilacera e ficamos sem cura e sem chão.
Agora só posto aos sábados.Beijos
Lua Singular

Mulher na Polícia disse...

Parabéns, Carlos!

10 anos blogando não é pra qualquer um não, viu?
: )

Que venham mais 10 e mais 10 e muitos 10 mais...

Beijão, parceirão!

Louraini Christmann - Lola disse...

Parabéns!!
Que ainda muitos 10 anos venham!
abraço

CÉU disse...

Muitos parabéns a você a seu blog. É sempre mto consolador sermos acarinhados e fazermos amigos nesse mundo virtual.
O blog quase que passa a ser nosso diário. É bom e proveitoso.

QUE VENHAM MUITOS 10.

Abraço e tudo de bom!

Toninho disse...

Que legal Carlos Menino Beija Flor, assim o conheci pelas poesias e logo vi, que era mais um mineiro, mais um cruzeirense, mais um poeta. Dez anos espalhando sentimentos é muito bonito numero e que possa manter esta chama por muitos anos, pois sua poesia sempre é inspiradora.
Meus parabéns amigo e conterrâneo e que a paz seja companheira nesta longa jornada.
Meu abraço amigo.

Arte & Emoções disse...

Parabéns Carlos! Dez anos é a prova inconteste da tua capacidade de gerir tão belo e importante espaço. Que este número seja elevado ao quadrado, e que venham mais anos.

Abraços e muita paz e saúde para ti e para os teus.

Furtado

Valéria disse...

Que maravilha, Carlinhos!!!
Parabéns pelos 10 anos do seu tão inspirado, Blog...
Deus te abençoe sempre e que você siga escrevendo, assim, tão lindamente, sempre... além de nos privilegiar com sua tão valorosa amizade...
Beijos,
Valéria

lua singular disse...

Oi Carlos
Parabéns pelos dez anos de blog.
Seus contos e poesias são lindas, afinal tornou-se um grande escritor.
Adorei ler seu livro
Quando virá outro?
Beijos
Lua Singular

Ivone disse...

Parabéns pelos dez anos do blog, eu também comecei sem nem sequer saber no que daria, ainda fui atrevida, criei logo dois, um de poemas e um de prosas que demorou tanto para crescer, pelo tempo que tenho, os meus estão com uns nove anos, (preciso rever as postagens,rsrs)!
Mas assim como você, não pretendo desistir de continuar, amo escrever!
Muito bom, amei ler aqui, não desista mesmo, pois bem sabes que fica um vazio nos corações das pessoas que aqui chegam, leem, seguem, te amam!
Abraços apertados!