ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

OSTRACISMO.



Olá, amigos e amigas.
Desculpem-me pelo sumiço, estou meio num ostracismo poético, talvez um autoexílio literário, em parte porque ando mesmo meio desanimado com uma pá de coisas, mas em parte esse confinamento é por causa do trabalho mesmo. Tenho certeza de que a inspiração não acabou, são fases de  um poeta, a inspiração nunca acaba, ela vai se armazenando, e de uma hora para outra ela brotará  lindamente, e meu rosto voltará a brilhar.


Fiquem com Deus!...

7 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

ÀS vezes desejamos ficar em paz com nós mesmos,mas como você diz a inspiração não acaba fica guardada,e no momento certo ela reaparecerá.
Bjs Carlos e um ótimo final de semana.
Carmen Lúcia.

✿ chica disse...

Carlos, tua inspiração não te deixa.L9go estarás de volta e te esperamos! Fica bem! abração,chica

Cidália Ferreira disse...

Maravilhoso, como sempre!!

Beijo, bom fim de semana.

Roselia Bezerra disse...

Boa tarde, amigo Carlos!
Estava sentindo falta das suas postagens mesmo.
Melhora na Inspiração que sempre vem do Alto!
Seja feliz e abençoado!
Bjm de paz e bem

Valéria disse...

Carlinhos, sua inspiração está quietinha, mas daqui a pouco volta com tudo, como o desabrochar das flores em botão...
Boa semana amigo, beijos,
Valéria

Isa Martins disse...

Oi Carlinhos, eu tambem fico tempos sem escrever, mas sei que nossa inspiração apenas adormece por um tempo depois desabrocha novamente.
As coisas do dia a dia acabam nublando um pouco esse nosso lado poético, mas ele nunca morre, tenha certeza!
Beijos e bom fim de semana!

© Piedade Araújo Sol disse...

Carlos

por vezes acontece, mas logo, logo a inspiração volta.

bom fim de semana

beijinhos

:)