ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

INDEFINÍVEL


É tão forte o nó de abraço que a gente deu
que às vezes penso que sou você,
e você pensa que sou eu.
De repente a gente virou um.
Indefinível ...
é o amor que a gente faz
eu faminto, você voraz.
Só uma certeza eu sinto...
não é um amor comum,
pois transcende, extrapola, surpreende
e a gente se embola, se enrola, rola
e nossa cama se acende num fogo só.
Vem cá, me dá mais um abraço
me enlaça em suas pernas e braços
me prende de novo nesse nó.

=
(RECORDANDO DE 2015)

==
( imagem dreamstime.com )

5 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

O amor é isso,enlaçados em um só nó,sem ser desatado.
Muito lindo Carlos.
Bjs e obrigada pela visita.
Carmen Lúcia.

Cidália Ferreira disse...

Que lindo Poema , Carlos! Amor é isso!

Beijinhos

✿ chica disse...

Que beleza!Adorei! Lindo! abração,chica

lua singular disse...

Oi Carlos,
Um abraço forte é sinal de bem querência e esse amor ninguém o destruirá
Beijos
Lua Singular

lua singular disse...

Oi Carlos
Obrigada pelo carinho
Beijos
Lua Singular