ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

ATÉ UM DIA, AMIGOS...




////////////////

Sei que vou decepcionar um pouco os amigos, mas esse blog vai ficar FECHADO por tempo indeterminado, só não vou excluir porque dá dó, por causa de um tanto de coisas bacanas que já  fiz aqui. Esse blog foi meu diário e meu parceiro, mas tenho alguns motivos:  1) Não estou tendo tempo de visitar os amigos de blog. 2) Tenho alguns projetos para levar adiante, e são projetos literários que terei que cuidar sozinho e já que tenho o costume de dizer tudo o que vou fazer, então conto mais essa. Um deles, é um livro de contos ainda para outubro desse ano, esse já está bem adiantado, todo revisado, só falta acrescentar uns quatro ou cinco contos. É um livro autobiográfico de infância e adolescência. O segundo é um livro de contos e lendas infantis, aproveito para homenagear Monteiro Lobato ( uma de minhas influências)  que alguns idiotas estão chamando de racista. Sempre vai haver um idiota para falar mal dos gênios... e dos poetas. O terceiro, é que pretendo escrever um romance, isso é algo totalmente novo para mim, e claro, para isso, preciso me aprimorar, estudar, saber o que é ser um romancista, é preciso ter um bom enredo, um bom desenrolar da história, além  de tempo e paciência, mas já estou contatando gente competente do ramo para me instruir. No caso do romance, se der tudo certinho, e não for tão caro, pretendo lançar em países de língua portuguesa e espanhola, contatos  de editora portuguesa já tenho, da Espanha também consigo contato fácil. Todos esses livros pretendo lançar em  e-book também.
Então é isso. Não sei  aonde vai dar, mas não é a vitória que move a gente, o que move a gente é a luta. Nem sempre é bom conseguir. Às vezes, chegamos ao topo, e perguntamos: Era só isso? Não ando mais atrás de ouro de tolo. Gostaria que houvessem outras coisas a me mover além da poesia, mas não tem jeito, nasci assim e vou morrer assim, não consigo me enquadrar ao mundo externo.
Muito obrigado a todos pela companhia e participação nesses cinco anos de blog. Vocês foram e são muito importantes para mim.
 Fiquem com Deus!
Até um dia...


11 comentários:

✿ chica disse...

Ficamos tristes mas te entendemos e te esperaremos! Todos precisamos de pausas! abraços,fica bem,chica

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Boa noite Carlos
Existe um tempo ara o descanso, uma pausa ou ainda um retemperar forças.
Espero que voltes e com bastante capacidade de lutar dado-nos muitas poesias - sonetos.
Irei lutando até poder, Sei que o blogue tem sido um força que me tem feito trabalhar e crescer.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá amigo
Os motivos para a seu afastamento são nobres e justificáveis, mas mesmo assim sentirei sua falta.
Sucesso ,e que todos os seus projetos se concretizem.
Seja feliz.
Grande abraço

mARa disse...

Então desejo imensamente que alcance teus objetivos, talento está por aí, então mãos as letras!

bjão!

Estrela disse...

Puxa,Carlos! Vou sentir sua falta. Este blog foi um dos poucos lugares que me fazia sentir introspecta. Me fazia pensar e sentir cada palavra, cada emoção. Seu blog foi um presente para nós. Obrigada, poeta. Um beijo e muito boa sorte nos seus projetos.
Até um dia, Menino Beija-Flor. Até um dia.

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Carlos. Sentirei falta do seu espaço, de tudo, mas se você acredita que será mais feliz assim, alçando novos voos, que seja abençoado em tudo o que fizer!
Beijo grande e boa sorte.

Fernanda Oliveira disse...

Amigo Carlos estou vendo sua postagem, e sinceramente também fiquei triste, porque pelos meus comentários você sabe o quanto gosto dos seus textos. Mas eu lhe entendo e acredito muito no seu potencial, e sei que tudo vai dar certo, porque você é super talentoso no que faz.
Beijos e até! Que Deus te guie a cada dia e que lhe ajude a realizar o que deseja seu coração. Beijos com carinho de Fernanda Oliveira

Orvalho do Céu disse...

Olá, Carlos
Vc está envolvidos com o que lhe dá alegria e isso é muito importante...
Também estou reduzindo muito o meu tempo por aqui pelos mesmo motivos... Escrever livros é uma das minhas metas doravante...
Bjs fraternos de paz e alegria

Paula Barros disse...

Entendo você, torço pelos seus projetos, foque no que deseja e sucesso!
abraço

Lis Fernandes disse...

Poeta!!!

Seus projetos são incríveis, e tenho certeza terás sucesso. Acredito na tua competência, assim como acredito que você conseguirá conciliar tudo, tudinho! E seus amigos blogueiros, os verdadeiros irão te entender quanto as visitas e te visitaram e te prestigiarão mesmo assim.
É um pedido, se achar que não dá... tudo bem... Mas FICA!
Beijos e o meu carinho.

Felix Rodrigues disse...

Olá amigo! estive hoje a rever seu espaço como sempre o faço, e na verdade, continua a ser um espaço esplendido, cheio de coisas que alimentam a mente de quem precisa.
Abraços!